O vereador Police Neto assumiu o compromisso de reunir colaboradores e investidores privados para reformar por completo a sala dedicada à Primeira Infância da Biblioteca Municipal Infantojuvenil Monteiro Lobato. O espaço com móveis, livros e outros elementos voltados para crianças de 0 a 5 anos está fechado por questões de manutenção e adequação. A sede da biblioteca, localizada na Vila Buarque, ainda precisa de urgente reforma no telhado e na estrutura hidráulica. Outro problema é o telecentro, fechado para requalificação.

As demandas da biblioteca foram apresentadas ao vereador pela diretora, Marta Nosé. Police esteve no local ontem (11/07) para visitar a exposição “O Mundo das Maravilhas de Monteiro Lobato” e conversar com a diretora. A relação do vereador com a biblioteca é antiga. Em 2007, como Secretário de Participação e Parceria da capital, ele foi responsável pela instalação do telecentro e de elevadores, garantindo acessibilidade às pessoas com mobilidade reduzida. “Seria uma enorme conquista reabrir a sala da Primeira Infância”, diz Marta Nosé, estudiosa do desenvolvimento infantil nessa faixa etária, assim como Police, bolsista do Curso Internacional de Liderança Executiva em Desenvolvimento da Primeira Infância, organizado pela Universidade de Harvard, Núcleo Ciência pela Infância (NCPI) e Insper.

“A ideia é buscar parceiros para criar um ‘território educador’ no entorno, com rotas e espaços adequados para o desenvolvimento das crianças que conduzam até a biblioteca e a sala da Primeira Infância”, explica Police. “A interação da criança com sua família, comunidade, educadores e o ambiente em que vive é decisiva nessa faixa etária, com impacto para o resto de sua vida. Isso já foi provado cientificamente. É nosso papel trabalhar para que os espaços públicos ofereçam as condições necessárias para o desenvolvimento das crianças.” Parte significativa das famílias que frequentam a biblioteca é de baixa renda, o que torna a iniciativa ainda mais urgente.

A Biblioteca Monteiro Lobato é uma preciosidade reconhecida internacionalmente. Fundada por um grupo de intelectuais liderados por Mário de Andrade, em 1936, trata-se da mais antiga biblioteca infantil do país. O próprio autor frequentava o local para contar histórias às crianças, batizado em sua homenagem em 1955. A sede atual, na Rua General Jardim, 485, foi projetada pelo arquiteto Hentz Gorham e inaugurada em 1950. Edíficio amplo e bem iluminado, cercado por uma praça arborizada, possui 11 mil itens relacionados a Monteiro Lobato, mais do que o acervo da própria família deste que foi um dos maiores escritores brasileiros.

Police pretende trabalhar lado a lado com a diretora Marta Nosé para oferecer não apenas uma nova sala da Primeira Infância, o telecentro e auxiliar nas reformas estruturais. “É preciso construir um grupo de apoio, uma sociedade amigos da biblioteca para que comunidade e poder público atuem juntos para oferecer serviços cada vez melhores. Temos um patrimônio inestimável nessa biblioteca, pela história, acervo, espaço e funcionários, pessoas que dedicaram suas vidas ao incentivo da leitura”, diz o vereador.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar